Campanha Maio Amarelo em Manhuaçu: Nós somos o trânsito



 

Tamanho da fonte    




Você já parou para pensar do que é feito o trânsito? Mais do que veículos, barulho e congestionamentos, o trânsito é feito de pessoas. E as pessoas merecem respeito. São as pessoas que se ferem e muitas vezes, num ato impensado, matam no trânsito. Por isso, o alerta proposto pelo tema deste ano do Movimento Maio Amarelo: “Nós somos o trânsito”. E assim começa mais um Maio Amarelo, movimento da sociedade e para a sociedade que visa alertar sobre a importância do trabalho de prevenção dos acidentes de trânsito.
 
A campanha, que teve início nesta quarta-feira, 02/05, objetiva chamar atenção à consciência sobre o perigo que o trânsito oferece envolve instituições, órgãos de segurança, escolas e pessoas voluntárias que se dispõem a estarem nas ruas, distribuindo panfletos com várias orientações sobre o trânsito, para que motoristas, motociclistas possam conscientizar, respeitar as pessoas e as normas do trânsito.
 
Em Manhuaçu, a campanha Maio Amarelo foi aberta com a exposição de carros que se envolveram em acidentes nas rodovias da região, motos completamente destruídas e faixas. Nos trevos do cafeicultor e Zebu, os carros expostos chamaram a atenção de quem passava pela BR 262, devido ao estado que se encontravam.
 
O objetivo foi exatamente sensibilizar as pessoas sobre a falta de respeito de muitos condutores, que envolvem em acidentes. Blitz na entrada de acesso a Luisburgo, com a participação de agentes de saúde de Ponte do Silva e Polícia Militar Rodoviária serviu para chamar às pessoas à reflexão. À tarde, a mobilização aconteceu na área central da cidade, com distribuição de panfleto informativo, Lacinho Amarelo (símbolo da campanha), adesivo e faixas com frases sobre o “trânsito sem acidentes é resultado de um povo consciente”. Durante todo o mês de maio, a campanha terá também a participação da GRS de Manhumirim, DER, Polícia Militar Rodoviária, Conselho Municipal de Trânsito, Secretaria Municipal de Saúde, Superintendência Regional de Ensino, escolas estaduais e municipais.
 
Nós somos o trânsito
 
Uma das organizadoras do Movimento Maio Amarelo, Priscila Lopes destaca que há a necessidade do engajamento de toda a sociedade, para que as ações surtam o resultado pretendido. O movimento está direcionado à importância da conscientização de cada pessoa para que o trânsito seja mais seguro, responsabilidade de cada um de nós, sejamos motoristas, motociclistas, ciclistas ou pedestres, para as atitudes mais conscientes e de preservação da vida.
 
Com a participação dos agentes de saúde das ESFs, Polícia Militar e Conselho Municipal de Trânsito, a mensagem levada aos usuários de trânsito para que usem o cinto de segurança, respeitem a faixa de pedestre, as leis de trânsito e não falem ao telefone dirigindo. “Durante o mês de maio estaremos realizando várias ações em pontos estratégicos, com a participação também das escolas. No dia 20 de maio, na 2ª Corrida do Café, no encontro de motociclistas (motociata), além de blitzes nas rodovias estaduais de acesso a Simonésia e Luisburgo.
 
Assessoria de Comunicação Social - Prefeitura de Manhuaçu













}