MANHUACU.COM - Carreta tomba na curva da bananeira na saída de Manhuaçu para Realeza; outros dois acidentes são registrados

Carreta tomba na curva da bananeira na saída de Manhuaçu para Realeza; outros dois acidentes são registrados



 

Tamanho da fonte    




A Polícia Rodoviária Federal registrou três acidentes nas BRs 116 e 262, nas últimas 24 horas, deixando quatro pessoas feridas e uma morta. Além do grave acidente ocorrido no km 47, da BR 262, na sexta-feira, que deixou quatro pessoas feridas e uma morta, a PRF registrou ainda outros dois acidentes.
 
No KM 44, da BR-262, próximo ao clube de cabos e soldados, uma carreta bi-trem carregada de madeira tombou na chamada “curva das bananeiras”. O veículo foi retirado do local ainda na sexta-feira e a carga retirada no fim de semana.
 
Ainda na sexta-feira, 12/01 uma colisão entre dois automóveis foi registrada no km 607 da BR 116 e acordo com Edson Rhodes a causa na maioria das vezes é a imprudência dos condutores. “O excesso de velocidade e a negligência tem causado muitos acidentes nas nossas rodovias e alguns deles ceifando a vida de nossos entes queridos. Neste acidente da BR 116, uma conversão proibida, semelhante à que os motoristas realizam no perímetro urbano de Manhuaçu, ali próximo à antiga Adril, foi a causa deste acidente”, disse Edson Rhodes.
 
A colisão envolveu um VW Golf e um GM Celta. O condutor do Golf aguardava no acostamento na saída do posto e ia seguir sentido São João do Manhuaçu, quando o motorista do Celta, que vinha de São do Manhuaçu, entrou no pátio do posto de combustíveis e bateu de frente com o Golf. “O Correto ao fazer uma conversão numa rodovia, é ir para o acostamento da sua pista, observar o fluxo do trânsito e só depois cruzar a via. Só que isso na maioria das vezes não acontece e o resultado pode ser esse”, completa Rhodes.
 
Já na manhã deste sábado 13/01, a PRF atendeu a mais um acidente na BR 262, praticamente no mesmo local onde um outro acidente deixou uma pessoa morta na sexta-feira, 12/01.
 
Uma carreta bi trem carrega com blocos de pedra tombou no km 47, entre Manhuaçu e Realeza. “O veículo seguia sentido ao Espírito Santo. O motorista disse que a carga puxou o veículo fazendo com que ele tombasse. Acredita-se que ele estivesse com a velocidade incompatível com a via e o peso da carga contribuiu para que o acidente acontecesse. Graças a Deus foram apenas danos materiais”, ressalta o PRF.
 
Motoristas devem ficar atentos ao trafegar pelo trecho entre Manhuaçu e Realeza, a carreta continua no local e dois dos três blocos de pedras estão às margens da rodovia e o trabalho para retida dos mesmos e da carreta deve acontecer durante o fim de semana.

Tribuna do Leste














}