Cinco equipes do IFES classificam-se para a final da 6ª Olimpíada Nacional em História



 

Tamanho da fonte    




Pelo segundo ano seguido, o IFES/Campus Ibatiba estará presente na final da 6ª Olimpíada Nacional em História do Brasil (ONHB). Das sete equipes do estado do Espírito Santo classificadas para a grande final presencial que acontecerá na cidade de Campinas, cinco são da instituição. Mais uma vez, o campus também obteve o 1º lugar geral no estado, tendo a equipe “Guerrilheiros do Caparaó”, formada pelos alunos Vinícius Jacinto de Oliveira, Ulisses Hubner Alvim e Débora Cristina Vieira e orientada pelo professor Plínio Ferreira Guimarães, ganhado da organização da competição as passagens aéreas até a cidade de Campinas.
Equipe Guerrilheiros do Caparaó obteve o primeiro lugar no estado do ES
Além da equipe citada, também se classificaram para a etapa presencial as equipes “MDM Forever – Agora ou nunca!” formadas pelos alunos Débora Pimentel, Marcone Freitas e Milena Carvalho, e “Inimigos da Trincheira”, composta por Igor Ambrósio, Pedro Henrique Amorim e Sabrina Alcure, ambas também orientadas pelo professor Plínio, e as equipes “Vassalos” formada pelos alunos Hannah Alcure, Antônio Ângelo de Oliveira e Adamário Oliveira e “James Bondistória”, composta por Guilherme Dias, Bruna Nantes e Lavínia Oliveira, sendo as duas últimas orientadas pelo professor Felipe Alexandre Lima Fernandes dos Santos.
Equipes classificadas junto do professor Plínio (foto: Divulgação)
ONHB
 
A ONHB é organizada pelo Departamento de História e pelo Programa de Pós-Graduação em História da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), sendo a principal competição de História para alunos do ensino médio. Neste ano, inscreveram-se cerca de 10 mil equipes de todo o país, sendo 305 o número de classificadas para a etapa presencial. A competição é realizada em 5 fases online e a final presencial, sendo feita de questões e tarefas que fazem com que o aluno tenha um pouco da experiência do trabalho do historiador. Neste ano, a temática da ONHB foram os 50 anos do golpe de 1964 e a ditadura civil-militar, sendo que a tarefa principal da competição proporcionou aos alunos discutirem a questão da censura no período.
 
Com o bom desempenho das equipes do IFES/Campus Ibatiba, os professores Plínio Guimarães e Felipe Lima foram premiados com um curso de formação continuada de uma semana oferecido pelo Programa de Pós-Graduação em História da Unicamp.
 
As equipes viajam para Campinas em agosto, onde realizam a prova final no dia 16 e participam da cerimônia de premiação das equipes no dia 17, quando retornam para Ibatiba.
 
Manhuacu.com













}