Comandante do 11º BPM faz palestra para lideranças comunitárias



 

Tamanho da fonte    




Com o objetivo de municiar as lideranças comunitárias de informações, a diretoria do Conselho das Associações de Moradores de Manhuaçu (COAMMA) realizou a reunião ordinária no domingo (9) tendo o propósito diferente para desenvolver suas atividades. Para traçar diretrizes capazes de alavancar novas ideias, o Coamma tem buscado parceria e participação mais ativa das lideranças comunitárias.
Desta vez, o tema foi segurança pública e como a população poderá participar, a fim de contribuir para a redução da criminalidade nos setores urbano e rural.

Foram convidados para explanar sobre o assunto, o comandante do 11º BPM, tenente-coronel Wanderson Santiago e o responsável pela 72ª Cia. de Polícia, capitão Schuab. De acordo com as lideranças, há a necessidade de se traçar algumas metas para serem colocadas em prática, no sentido de entendimento e avanço dentro de um cronograma a ser estabelecido, com base nas necessidades das comunidades..

Durante a reunião ordinária, os presidentes de associações receberam a visita da representante do Conselho Municipal de Saúde, Beth Marçal, para falar sobre o início dos encontros preparatórios nas comunidades, para a realização da 10ª Conferência Municipal de Saúde. Segundo Beth Marçal, a partir desta terça-feira (11) já estará recebendo documentação das associações que se interessarem participar da conferência, que será um marco para o município de Manhuaçu.

Beth Marçal falou sobre os preparativos para 10ª Conferência Municipal de Saúde (foto: Eduardo Satil)

Beth Marçal pediu aos presidentes de associações que estejam participando dos encontros que começarão nas próximas semanas nas comunidades, para a escolha de delegados e que possam discutir o assunto que será bem abrangente, no campo da saúde no município.

Segurança ampliada e estruturação no policiamento

Bastante ponderado e com extenso conhecimento no campo de segurança pública, tenente-coronel Wanderson Santiago destacou sua preocupação para garantir a tranquilidade, através de um policiamento eficaz, dentro do alcance da Unidade. De acordo com o comandante, a partir do encontro com as lideranças comunitárias e a diretoria do Coamma, foi possível esclarecer o que a Polícia Militar está fazendo para atender a demanda e, ainda, de que o trabalho deve ser feito sempre em parceria.

O comandante do 11º BPM detalha que o índice de violência é preocupante, porém, a participação da comunidade é relevante para a redução dos atos delituosos. “Hoje, 70% das ações estão concentradas no perímetro urbano, mas tão logo estaremos voltando nossa atenção de forma acentuada para a área rural. Para nós, o importante é estarmos em ação a fim de evitar a ação criminosa”, disse o Ten.Cel. Santiago.

Ele anunciou ainda a reestruturação do Pelotão de Realeza e da Companhia de Recobrimento (antigo Pelotão de Choque), que agora terá um capitão e dois tenentes. A Companhia ficará responsável pela coordenação de policiamento nas cidades circunvizinhas e distritos, enquanto a 72ª Cia. ficará somente para as ações em Manhuaçu.

O presidente do Coamma, Vasco Fernando Mota Rodrigues ficou feliz com a presença do comandante do 11º BPM e do comandante da 72ª Cia. de Polícia, bem como da representante do Conselho Municipal de Saúde, no encontro com as lideranças comunitárias.

Os presidentes de associações ficaram satisfeitos. Agora precisam colocar em prática o que discutiram no encontro (foto: Eduardo Satil)

O líder comunitário acredita que a participação de todas as entidades será fundamental para caminhar em busca de melhorias para todas as comunidades. “Agora queremos que haja a participação dos presidentes de associações. A parceria só será concretizada, a partir do momento em que todos comungarem o mesmo pensamento”, conclui Vasco Fernando.

Eduardo Satil














}