Conselho Superior do Hospital César Leite promove reunião



 

Tamanho da fonte    




O Conselho Superior do Hospital César Leite reuniu-se com a presença da diretoria para a apresentação da prestação de contas de 2015. A reunião ainda detalhou os planos e projetos do planejamento dos próximos anos.
 
A assembléia foi conduzida pelo Presidente do Conselho Superior Renato Cezar Von Randow e teve como secretário o conselheiro Paulo Cezar Oliveira. Grande parte do conselho superior esteve presente. Na primeira parte, o Provedor Sebastião Onofre Carvalho, o diretor assistencial Chardson Roberto da Paixão, a diretora administrativa Ana Lígia de Assis Garcia e o diretor clínico Dr. Luís Carlos Lemos Prata apresentaram a prestação de contasdo Hospital César Leite referente ao ano 2015, bem como os resultados e ações desenvolvidas.
 
Em 2015, o Hospital César Leite registrou 13 mil internações, sendo que 8.330 foram de pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS). Outros avanços, como o crescimento do atendimento na hemodinâmica (que já realizou 1.400 exames e procedimentos), as formaturas de médicos residentes e investimentos como a Casa da Gestante (atendeu mais de 300 mães) foram demonstrados. Por outro lado, a direção também demonstrou os impactos da crise, deficiência da remuneração do SUS pelos procedimentos e a demora de repasse da terceira parcela da obra da UTI Neonatal, pelo Governo do Estado. A construção está paralisada por conta disso. 
 
O HCL realizou 8.856 cirurgias em 2015. Foram realizadas 3.109 partos em 2015, sendo 65,4% pelo SUS.
 
De acordo com o DataSUS, o HCL foi o 28º hospital no ranking de internações SUS em todo o estado de Minas Gerais, sendo que os onze primeiros da lista estão localizados em Belo Horizonte.
 
Outras conquistas foram avanços e melhorias nos setores de Hotelaria Hospitalar, Nutrição e Dietética, Serviço de Controle de Infecção Hospitalar (SCIH) e Farmácia. Está sendo iniciado ainda o projeto do Prontuário Eletrônico.
 
Na área de gestão de pessoas, um grande avanço foi implantado com um projeto de gestão por competências. Outro avanço foi a ampliação do horário de visitas para mais duas horas.
 
Em seguida, o diretor do Plancel, Leandro Sathler Campos, apresentou os dados do Plancel. Ele demonstrou os resultados do ano de 2015.
 
Projetos
 
No final, o provedor Sebastião Onofre também reforçou projetos como a construção do serviço de hemodiálise, a conclusão do prédio do Centro de Especialidades Médicas, a expansão da UTI Adulto de 10 para 20 leitos, o serviço de oncologia e a implantação de Unidade Cardiológica (UTI Cardiológica). “São metas que temos em vista e trabalhamos para isso. Lógico que dependemos de recursos externos, mas estamos sempre lutando para viabilizar”, afirma.
 
Ainda durante sua exposição, o Provedor Sebastião Onofre explicou as negociações com o Governo de Minas para a conclusão do novo prédio. Ele também destacou que já foram adquiridos mobiliário e equipamentos para finalizar os trezes apartamentos que estão sendo reformados.
 
Para o presidente do Conselho Superior, Renato Cezar Von Randow, a reunião foi excelente. “Tivemos resultados muito bons em 2015. Naturalmente, o momento é de apreensão e dificuldades, mas ainda assim percebemos que na dificuldade é que a direção do HCL se mostra mais capacidade e eficiente, com o apoio de todos os conselheiros e colaboradores”, avaliou.
(foto: Assessoria de Imprensa)
 
Assessoria de Imprensa













}