Cooperativa de Manhuaçu se destaca em premiação nacional de cooperativas



 

Tamanho da fonte    




O Estado de Minas Gerais se consolidou mais uma vez como referência em cooperativismo em todo o Brasil. A posição foi confirmada durante o 3º Prêmio Sescoop Excelência de Gestão, promovido pelo Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo (Sescoop) em parceria com a Fundação Nacional de Qualidade (FNQ) na última terça, 21 de novembro, em Brasília. A iniciativa, promovida a cada dois anos, reconhece a atuação das cooperativas que promovem o aumento da qualidade e da competitividade do cooperativismo, por meio do desenvolvimento e da adoção de boas práticas de gestão. Foram 18 as cooperativas mineiras vencedoras, número correspondente a 44% do total das ganhadoras, o que representa a força do setor no Estado.
 
A premiação é dividida nos níveis de maturidade Primeiros Passos para Excelência, Compromisso com a Excelência e Rumo à Excelência, mesmos critérios e instrumentos de avaliação do Programa de Desenvolvimento da Gestão das Cooperativas (PDGC), e concedida nas faixas – Bronze, Prata e Ouro. A cooperativa com as melhores práticas é eleita como Destaque de Governança Cooperativista.
 
Minas Gerais foi destaque no Prêmio, com representantes em todos os níveis de maturidade. Foram seis Bronzes, oito Pratas e um Ouro na categoria Primeiros Passos; um Bronze e uma Prata na Compromissos com Excelência; e um Ouro na Rumo à Excelência, além da premiação de Destaque para Unimed-BH.
 
Relação das cooperativas mineiras premiadas:
 
Categoria: Primeiros Passos – Faixa Bronze: Coopmetro, Sicoob Cofal, Sicoob Coopemata, Sicoob Divicred, Unimed Juiz de Fora e Unimed Poços de Caldas.
 
Categoria: Primeiros Passos – Faixa Prata: Coopama, Coopatos, Cooxupé, Sicoob Cosmipa, Sicoob Credicom, Sicoob União Centro-Oeste, Unimed Uberaba e Unimed Vale do Aço.
 
Categoria: Primeiros Passos – Faixa Ouro: Sicoob Credialto
 
Categoria: Compromisso com a Excelência – Faixa Bronze: Coocafé
 
Categoria: Compromisso com a Excelência – Faixa Prata: Unimed Circuito das Águas
 
Categoria: Rumo à Excelência – Faixa Ouro: Unimed BH
 
Destaque: Melhoria Contínua – Rumo À Excelência: Unimed BH
 
Ao todo, 84 cooperativas mineiras se inscreveram para o certame. Este volume corresponde a 34% das cooperativas inscritas, bastante à frente de Bahia (8%), Paraná (7%) e São Paulo (7%), que aparecem em seguida. De acordo com o presidente do Sistema Ocemg, Ronaldo Scucato, este reconhecimento marca a trajetória ascendente das organizações, que vêm investindo cada vez mais fortemente no aperfeiçoamento de seus processos de gestão. “Uma cooperativa, como toda empresa, precisa ter uma metodologia eficiente de trabalho, que possibilite a melhoria de sua performance. Para que isto aconteça, o Sistema Ocemg oferece todas as ferramentas necessárias. O resultado vem sendo positivo, conforme podemos comprovar a partir desta premiação”, avalia.
 
A participação e o reconhecimento das cooperativas mineiras vem crescendo a cada ano. Em 2013 foram 8 finalistas, contra 11 em 2015 e 18 em 2017 - um aumento de 64% do número de cooperativas reconhecidas em relação ao ciclo imediatamente anterior. As cooperativas reconhecidas pelo Prêmio Sescoop de Excelência na Gestão estão divididas nos seguintes ramos: Crédito (7), Saúde (6), Agropecuário (4) e Transporte, que conquistou sua primeira premiação. Elas estão localizadas em pontos diversos do Estado, mostrando a capilarização do segmento. São quatro na Região Metropolitana de Belo Horizonte e no Sul de Minas, três no Oeste de Minas e Zona da Mata e duas no Triângulo Mineiro e no Vale do Rio Doce.
 
O PROGRAMA
 
O Programa de Desenvolvimento da Gestão das Cooperativas (PDGC) foi criado em 2013 como um dos desdobramentos da Diretriz Nacional de Monitoramento e tem como objetivo principal promover a adoção de boas práticas de gestão e governança pelas cooperativas. Consolidado pela OCB, utiliza uma metodologia via web, pautada no modelo de Excelência da Gestão (MEG) da Fundação Nacional da Qualidade. Em Minas Gerais, as cooperativas que integram o Programa recebem visitas técnicas do Sistema Ocemg, em um momento de sensibilização e apresentação do PDGC.
 
Depois que começa a participar do Programa, anualmente a cooperativa insere as informações no sistema, mostrando a evolução do seu nível de gestão. As informações cadastradas no sistema passam por uma análise dos técnicos do Sistema Ocemg, que, após a leitura do relatório de autoavaliação, apresentam para as cooperativas sugestões de melhorias e orientação sobre a ferramenta. Também é indicado como ela pode desenvolver o plano de ação e o plano de melhoria por meio do diagnóstico do sistema no PDGC.
 
Desde o início do Programa, Minas Gerais se destaca com o maior número de cooperativas participantes (concluintes), assim como o Estado que possui o maior número de cooperativas premiadas. Isso reflete o zelo e comprometimento com o desenvolvimento da gestão das cooperativas mineiras demonstrado pela diretoria do Sistema Ocemg, que apoia integralmente a iniciativa, por entender que o instrumento leva auxílio à gestão dos empreendimentos cooperativos.
O Sistema Ocemg
 
O Sistema Ocemg é formado pela junção de duas instituições: o Sindicato e Organização das Cooperativas do Estado de Minas Gerais (Ocemg), órgão de representação política, sindical-patronal e de defesa do cooperativismo no Estado; e o Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo de Minas Gerais (Sescoop-MG), responsável pelas atividades de formação profissional, monitoramento e promoção social das diversas cooperativas de Minas. A Ocemg ainda integra a Federação dos Sindicatos das Cooperativas dos Estados de Alagoas, Bahia, Espírito Santo, Minas Gerais e Santa Catarina (Fecoop-Sulene).
 
Assessoria de Imprensa













}