Dia de Combate ao Abuso sexual contra crianças e adolescentes em Manhuaçu



 

Tamanho da fonte    




A Prefeitura de Manhuaçu, por meio das coordenações do CRAS e CREAS da Secretaria M. de Assistência Social, e o Conselho Municipal de Defesa dos Direitos da Criança e Adolescente realizaram evento especial em comemoração ao Dia Nacional de Combate ao Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes, na manhã desta quinta-feira, 18/05, na Praça Cordovil Pinto Coelho. O Vice-prefeito Renato Cézar Von Randow (Renato da Banca) participou da solenidade, acompanhado de demais autoridades e representantes de diversos órgãos sociais, além de estudantes e populares. 
Apresentações culturais de crianças do Grupo ‘Projeto Social’ da Fumaph’ e da ‘Banda de Crianças e Adolescentes do CAF’ (Centro de Apoio à Família) abrilhantaram o evento. Estes projetos atendem famílias dos Bairros Engenho da Serra, Nossa Senhora Aparecida e São Francisco de Assis, respectivamente. Após o momento de oração e hasteamento das Bandeiras, as autoridades se pronunciaram, ressaltando a importância desta mobilização social, em proteção aos menores, e o trabalho que é desempenhado por cada setor. 
 
Também presentes a Secretária M. de Assistência Social, Giuzaina Gregório; Promotora de Justiça da Infância e Juventude, Dra. Marina Brandão Póvoa; Comandante do 11º BPM, Tenente-coronel Sérvio Túlio Salazar Mariano, e policiais militares; Delegada de Polícia Civil, Dra. Adline Ribeiro; Presidente do Conselho M. de Defesa dos Direitos da Criança e Adolescente, Leslie Morais; Vereador Rodrigo Júlio dos Santos; Secretários Municipais Luizaura Januário (Educação), Cristina Miranda (Administração), Gena Clara Gil Alcon (Cultura e Turismo) e Flânio Alves da Silva (Agricultura); Chefe de Gabinete, Sandra Cerqueira; Coordenadora da Central de Conselhos, Glenda Miranda; Coordenadora do CREAS, Adriana Salazar; Coord. do CRAS, Karina Mansur; Presidente do COMAD e do CAF, Luiz Veras; Conselheiro Tutelar, Jerônimo Rosa; Presidente da DAREI, Pastor Sérgio; Presidente do Instituto Caminhar (Guarda mirim), Fabrício Veras; rep. do Comissariado de Menores, Flávio Lacerda e Pastor Márcio Melo, e do Comsep, Benoni da Paixão, além de equipes da Secretaria M. de Saúde (NASF, CAPS e ESFs), estudantes e seus familiares. O Juiz da Vara da Infância da Comarca de Manhuaçu, Dr. Marco Antônio Silva, justificou ausência e encaminhou nota alusiva ao evento, que foi lida pela Coordenadora Glenda Miranda.
 
Com o objetivo de mobilizar a sociedade e convocá-la para o engajamento contra a violação dos direitos sexuais de crianças e adolescentes, foi estabelecido como o Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes. Esta data foi escolhida porque, em 18 de maio de 1973, uma menina de oito anos, de Vitória (ES), foi sequestrada, violentada e cruelmente assassinada.Seu corpo apareceu seis dias depois, carbonizado, e os seus agressores nunca foram punidos. Com a repercussão do crime, conhecido como o “Caso Araceli”, e a forte mobilização do movimento em defesa dos direitos das crianças e adolescentes, instituiu-se este como o Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes, com a aprovação da Lei Federal nº. 9.970, no ano 2000.
 
Secretaria de Comunicação Social – Prefeitura de Manhuaçu
 
Envie notícias, fotos e vídeos para o nosso WhatsApp (33) 99906-5656













}