Entidades se unem em prol de projetos sociais



 

Tamanho da fonte    




Com o objetivo de auxiliar pessoas em situações de risco, o Governo Municipal tem buscado parcerias para engajar na promoção da qualidade de vida dos cidadãos. Diversas Iniciativas em prol da vida estão em funcionamento no município, entre eles os projetos sociais: abordagem social e enfrentamento ao crack e outras drogas, desenvolvidos através de convênio firmado entre a Fundação Manhuaçuense de Promoção Humana (Fumaph) e a Prefeitura de Manhuaçu, através da Secretaria Municipal do Trabalho e Desenvolvimento Social. Envolvidos diretamente nestes projetos, os assistentes sociais da Fumaph, Amadeu Brandão e Roseane Silva de Paula, explicaram as diretrizes que norteiam tais iniciativas.
 
Abordagem Social
 
Amadeu Brandão explicou como funciona o projeto abordagem Social e quais as atividades desenvolvidas dentro do município. “Trabalhamos neste projeto de segunda à sexta-feira, das 07h às 18h. Aproximamos das pessoas que estão em situação de rua e fazemos a abordagem social, aonde colhemos informações básicas do cidadão, como nome completo, endereço ou possível referência, data de nascimento, e os motivos de sua estadia na cidade, se possui alguma referência familiar dentro do município, como tio, primo, pais, sobrinhos”.
 
De acordo com Amadeu Brandão, através deste projeto, é possível garantir apoio, orientação e acompanhamento a famílias e indivíduos em situação de rua. “Ao abordar o cidadão e cadastrá-lo, nós procuramos monitorar e acompanhar suas atividades, afim de promover o acesso à saúde, educação, reinserção familiar e no mercado de trabalho, e retorno aos locais de origem, não estamos transferindo o problema de Manhuaçu para outro município, pelo contrário, viabilizamos todas as possibilidades para promover as pessoas no passo definitivo de saída das ruas”, disse.
 
Enfrentamento ao crack e outras drogas
 
Roseane Silva de Paula, disse como funciona o projeto e quais as demandas atendidas. A procura pode ser de forma espontânea, quando o próprio cidadão faz à busca por ajuda, ou pelo trabalho em parceria com o CAPS AD, além de trabalhos com outras instituições. “Também trabalhamos com as escolas ao realizar palestras educativas de prevenção, que é o foco do projeto. Contamos com a colaboração de outros profissionais e também temos o projeto itinerante, que vai aos bairros e apresenta palestras e fornece informações aos moradores. Atualmente, temos em média 157 pessoas cadastradas, entre adultos, crianças e adolescentes. Fazemos o acompanhamento, tanto no CAPS AD quanto em unidades de Estratégia de Saúde da Família (ESF), além de realizar visitas domiciliares, e solicitar vagaspara as crianças e adolescente que ainda não estão nas escolas”.
 
Apoio do Secretário de Trabalho e Desenvolvimento Social de Manhuaçu
(foto: Secretaria de Comunicação Social de Manhuaçu)
 
O secretário de Trabalho e Desenvolvimento Social, MacilonBreder, salientou que a parceria entre as entidades é muito importante para o município. “Hoje, a Fumaph com estes dois projetos, abordagem social e enfrentamento ao crack e outras drogas, vem para acrescentar acerca dos trabalhos sociais, que são muito importantes. A Abordagem social pela execução do projeto em ajudar as pessoas que estão em Manhuaçu. E o enfrentamento ao crack e outras drogas é um projeto espetacular, porque as drogas tem destruído famílias, causando muitos estragos na sociedade. E nós temos que olhar essas questões com bastante cuidado. Mas tenho confiança nos profissionais envolvidos nestes projetos, sabemos de suas capacidades para lidar com estes projetos tão importantes”, frisou.
(foto: Secretaria de Comunicação Social de Manhuaçu)
 
Secretaria de Comunicação Social de Manhuaçu