Escola móvel oferece cursos de aperfeiçoamentos profissionais em Manhuaçu



 

Tamanho da fonte    




A Escola Móvel SESI/SENAI promoveu a aula inaugural, nessa quarta-feira, 21, para cerca de 600 alunos. A estrutura foi montada no bairro Bom Pastor e vai capacitar profissional nos próximos 20 dias. A escola oferecerá dez cursos e vai funcionar nos turnos da manhã e da tarde. O prefeito Nailton Heringer esteve no local, acompanhado por sua equipe de secretários.

A iniciativa é resultado da parceria entre a Prefeitura de Manhuaçu, Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais (Sistema FIEMG) e Associação Comercial de Manhuaçu (ACIAM). A proposta da escola móvel é preparar os alunos para inserção no mercado de trabalho.

O gerente da Escola Móvel SESI/SENAI, Levindo Araújo Costa, destacou que o objetivo da escola móvel é proporcionar a capacitação necessária aos alunos para ingresso no mercado de trabalho. “O objetivo do programa é formar profissionais qualificados para a indústria mineira e criar um lado social para gerar mão de obra de forma mais eficiente. Nossos cursos foram dimensionados pelo SENAI para atender de forma rápida e prática as pessoas interessadas em se qualificar para o mercado de trabalho”.

Levindo Araújo explicou que a escola móvel já formou mais de 18 mil alunos, desde que foi criada no ano de 2011. Ele acrescentou que quase 60% dos profissionais estão inseridos no mercado de trabalho. Além do mais, todos os cursos são gratuitos, possuem certificados e reprovam os alunos que não estão aptos. Levindo agradeceu o apoio da prefeitura de Manhuaçu na realização do evento. “É com satisfação que estamos em Manhuaçu. A cidade foi indicada pelo presidente da FIEMG Regional Vale do Aço, Luciano Araújo, e nos recebeu de braços abertos. A prefeitura de Manhuaçu nos ofereceu toda a estrutura e apoio para a realização deste importante curso profissionalizante. Serão 80 horas, divididos em quatro horas diárias, totalizando 20 dias letivos”, explicou.

A secretária municipal de Educação, Gelvania Marques, ressaltou o compromisso da administração municipal com a educação e o empenho na capacitação dos cidadãos através das atividades desenvolvidas com os alunos. “Estamos empenhados em conseguir a inserção dos alunos no mercado de trabalho. A parceria é benéfica, pois gera renda para quem precisa e ajuda os mercados que buscam profissionais qualificados”, falou.

O prefeito Nailton Heringer afirmou que o programa é um marco para a educação no município. “Manhuaçu está se destacando pelo desenvolvimento educacional. A administração municipal tem buscado parceiros interessados em investir na educação, visando proporcionar mão de obra  qualificada para o mercado de trabalho. A Escola Móvel vai agraciar o compromisso dessa parceria em capacitar e qualificar mais de 600 alunos”.

(foto: Secretaria de Comunicação Social)

Segundo Nailton Heringer, conceber a mão de obra local para o mercado de trabalho tem sido um compromisso da administração municipal. “Nosso município foi contemplado com o programa Escola Móvel SESI/SENAI. Essa iniciativa é motivo de orgulho, pois demonstra o reconhecimento de todo o sistema FIEMG com o município. Quem ganha com este programa não são apenas os mais de 600 alunos, mas também o mercado de trabalho local, que receberá pessoas qualificadas para complementar as demandas de áreas fundamentais, que necessitam de profissionais capacitados”, reforçou Nailton Heringer.

Secretaria de Comunicação Social














}