ESF do Bairro Santa Luzia realiza passeata contra o preconceito



 

Tamanho da fonte    




Com o objetivo de despertar as famílias residentes no bairro Santa Luzia sobre a importância de estarem participando do trabalho e ações desenvolvidas pelo ESF, a concepção de viver em sociedade e a participação de cada um, levou o ESF a realizar a 1a Passeata de Conscientização contra o preconceito, discriminação e violência racial. A mobilização aconteceu na última quarta-feira,09,com a presença de agentes de saúde, coordenação do ESF,alunos, professores e diretores da Escola Municipal Sônia Maria Batista da Silva.
 
Exibindo cartazes e faixas, todos demonstravam que é o momento de despertar para a situação que está cada dia mais preocupante. As frases serviram para chamar a atenção da população quanto ao preconceito, a discriminação e o racismo existentes no Brasil. Para isso, os alunos dedicaram exclusivamente ao tema, realizando pesquisas sobre os trabalhos, pesquisas e cartazes.
 
Segundo a coordenadora do ESF do Bairro Santa Luzia, enfermeira Janaína Pereira Pimentel, o trabalho realizado foi fundamental para despertar a todos sobre a importância da valorização do ser humano, e diminuir algo que mesmo seja “brincadeira”.
 
Os preconceituosos e racistas têm dificuldades em aceitar e conviver com a diferença, e às vezes suas atitudes chegam a causar constrangimento. “Dentro do que foi proposto e aceito pela comunidade, que teve a participação da escola, o resultado acabou sendo surpreendente”, conclui Janaína Pereira.
 
Eduardo Satil/Assessoria de Comunicação SMS













}