Fisiculturista Manhuaçuense competirá em El Salvador



 

Tamanho da fonte    




O Governo de Manhuaçu garantiu apoio a mais um atleta manhuaçuense que vem se destacando no esporte. Desta vez, o incentivo vai ao fisiculturista Agimar Ferreira, que em julho deste ano foi classificado para o Mundial de Fisiculturismo em El Salvador, na América Central. O campeão, que treina há quase trinta anos, concedeu entrevista à reportagem, onde relata as dificuldades e a falta de incentivo ao esporte, realidade que vem mudando na atual gestão. 
 
"Desde os 22 anos quando comecei a treinar, fazer musculação, já tinha o sonho de competir, só que no início era mais difícil porque não havia apoio" - lamenta Ferreira, que competiu pela primeira vez em Manhuaçu no ano de 2000. "Dali eu já parti para Belo Horizonte e competi até 2005, quando parei. Não é fácil ser atleta no Brasil" - comenta o fisiculturista, que por oito anos não competiu. "Retornamos no ano passado, quando competi o Mineiro e o classificatório para o Brasileiro em Cuiabá. Saí de lá classificado. Competi, e me classifiquei para o mundial. E desde então, dedicação total a essa disputa, que já acontece em dezembro" - continua o esportista.
 
A rotina de treinos, segundo ele, não é nada fácil. "Muito pesada! Digamos que 70% dela seja treino. O restante é dieta e descanso. Mas o pior de tudo eu acredito que seja a dieta, porque ela meche com o psicológico. Se a pessoa não aguenta a dieta ela desiste" - relata Agimar Ferreira, que comentou sobre como surgiu a possibilidade do apoio do Governo de Manhuaçu. "Eu soube por um amigo que conhecia o secretário de Esportes, Victor Rocha, e soubemos que era possível a gente conseguir um apoio do município" - diz. "Ele conversou com o Victor e nós conseguimos. Fiquei muito grato porque isso vai dar um impulso na minha carreira, os sonhos já vão poder ir mais além" - emociona-se. "Eu agradeço muito ao prefeito Nailton Heringer".
 
"O fisiculturismo é um esporte que trabalha o corpo por completo, principalmente o psicológico" - pondera Victor Rocha. "Então a gente entende que um atleta como o Agimar, que já vem se dedicando há anos no esporte, treinando e competindo, hoje merece sim um apoio do governo, devido ao nível das competições que ele participa. Muito nos alegra ver um manhuaçuense participando, e com esse esforço" - finaliza o secretário de Esportes.
 
Secretaria de Comunicação Social de Manhuaçu