Funcionários do SUS participam do curso de humanização na saúde



 

Tamanho da fonte    




Com o objetivo de valorizar os funcionários e capacitá-los continuamente, a secretaria municipal de saúde de Manhuaçu implantou na atual gestão, o Programa de Educação Permanente em todos os setores. 
 
Neste mês especificamente os funcionários da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) estão participando de um curso de capacitação em “Humanização da gestão de saúde”, com uma abordagem reflexiva da prática diária vislumbrando as melhorias nos processos de trabalho. Este curso está sendo ministrado por uma equipe técnica da Escola Superior de Ciências da Santa Casa de Misericórdia de Vitória - EMESCAM, que tem excelente histórico na formação profissional médica e é uma das mais bem conceituadas escolas médicas do Brasil.
 
Os funcionários estão participando ativamente, grandes discussões e uma construção conjunta para elaboração de plano de ação, que objetiva solucionar os problemas diários. Para a coordenadora pedagógica, Madalena Santana, as apresentações de trabalhos orientados pelos funcionários surpreenderam a equipe, que está conduzindo o curso, pois, eles têm grande conhecimento e vontade de mudança. 
 
De acordo com a instrutora, Rosângela Simões, o curso de humanização da gestão em saúde é uma ferramenta poderosa, que proporciona ao participante muito conhecimento, teoria aplicada na prática, onde o profissional faz uma reflexão da sua conduta e dos demais atores envolvidos no processo. "Eles estão demonstrando muito interesse, para aprenderem e colocarem em prática o que está sendo aplicado aqui. Falaram de ambiente, valorização e o espírito de trabalhar em equipe",relata Rosângela Simões.
 
A instrutora Cynthia Coelho ressalta que todo profissional da saúde precisa entender, e se colocar no lugar do outro para bem exercer o seu papel. Ao mesmo tempo reconhecer que também é usuário do SUS. Segundo ela, o objetivo do curso é fazer os participantes conhecerem quais diretrizes devem ser observadas, e ainda desenvolver competências gerenciais para uma gestão humanizada. 
Ouvido pela reportagem, o participante Vander Rodrigues (recepcionista na UPA), disse que durante o curso pôde observar que fazer o melhor tem significado. Descobriu que saber ouvir as pessoas e sentir o que os outros passam para serem atendidos, significa "ser humano". "Na vida nunca é demais o conhecimento",disse Vander Rodrigues.
 
Para Abraão Reis Viana, do setor de ortopedia (técnico de gesso), o curso de humanização da gestão em saúde serviu para reavaliar atitudes, comportamento, além de enriquecer o conhecimento na área. "Fiquei feliz, pude descobrir algo novo e sempre na busca do aprendizado, para que o atendimento seja excelente", pondera o participante.
 
A Secretária Municipal de Saúde, Dra. Karina Gama dos Santos Sales tem demonstrado grande preocupação com o aperfeiçoamento dos funcionários. Nesse curso, os trabalhadores da saúde (UPA) tiveram a percepção de que também é gestor do seu trabalho, e que pode ser o protagonista de mudanças para o serviço de excelência. "Queremos que haja humanização. Aos poucos estamos capacitando os atendentes, enfermeiros, médicos e toda a equipe da área da saúde”, conclui Dra. Karina Gama.
 
Assessoria de Comunicação SMS













}