Hospital César Leite também se mobiliza contra o AEDES



 

Tamanho da fonte    




Como parte das ações de combate ao Aedes Aegypti, mosquito transmissor da dengue, zika vírus e chikungunya, o Hospital César Leite lançou uma campanha de mobilização para conscientizar pacientes, visitantes, colaboradores e a população em geral sobre como eliminar os criadouros do mosquito e se prevenir das doenças. A  ação tem impacto também nas residências e na praça em frente à unidade de saúde.
 
O Hospital César Leite, como instituição de saúde comprometida com a sociedade, entendendo seu papel no cuidado e prevenção de doenças, propôs através da Comissão Interna de Prevenção de Acidentes (CIPA) uma série de ações para eliminar focos e orientar as pessoas no combate ao Aedes Aegypti.
 
De acordo com a Presidente da CIPA, enfermeira Leiliane Soares de Freitas, o objetivo é mobilizar as pessoas para que se tornem multiplicadores das ações de prevenção e combate à dengue, zika vírus e chikungunya.
 
“Queremos alertar a população sobre a gravidade das doenças transmitidas pelo Aedes aegypti. Nosso objetivo é sensibilizar os profissionais de saúde para que eles atuem como multiplicadores, orientando a sociedade sobre a importância da responsabilidade de cada um. Precisamos unir esforços para combatermos o mosquito e a população é o principal agente”, informou Leiliane.
 
Plano de ação
 
Ainda segundo Leiliane, a programação de conscientização iniciou com a elaboração de materiais impressos e a distribuição aos visitantes   e colaboradores. Os gerentes de setores participaram também de uma palestra de capacitação com a bióloga Emilce Estanislau, da Vigilância Ambiental em Manhuaçu.
 
A partir desse encontro, todos foram mobilizados para replicar as informações e orientações para todos os setores do Hospital César Leite. Os colaboradores também são convocados a orientar familiares e praticar ações em suas residências.
 
Todos os dias, pela manhã, dois funcionários fazem vistoria em todas dependências do hospital a procura de locais com água parada. A distribuição de material educativo também está sendo realizada todas as semanas para visitantes, pacientes e acompanhantes.
 
Como medida externa, alguns colaboradores estão visitando residências próximas ao hospital e foi "adotada" a praça Doutor César Leite, com vistoria diária a procura de depósitos de água parada.
 
No dia 7 de abril, Dia Mundial da Saúde, acontecerá também palestra com o tema "Todos Contra o Mosquito", com o enfermeiro Arley Von Randow para os funcionários do hospital.
(foto: Assessoria de Comunicação)
 
(foto: Assessoria de Comunicação)
 
Assessoria de Comunicação