Idealizadores das manifestações entregam reivindicações ao prefeito de Manhuaçu



 

Tamanho da fonte    




As manifestações  ocorridas em todo o Brasil  serviram para despertar em toda sociedade,que é tempo de mudança. Nos primeiros momentos da mobilização, era possível perceber que muitos assistiam de  longe,outros admiravam. Mas, de repente as ruas e praças ficaram tomadas pela multidão contestando, reivindicando, atacando e cobrando políticas públicas mais eficientes.

Em Manhuaçu, a população também acordou de um "sono profundo" para gritar por qualidade de vida, ações concretas capazes de atender as necessidades dos menos favorecidos e mobilidade. Os manifestantes ainda denunciavam o caos na saúde, educação, serenidade, transporte descente e melhores condições para todos. O respeito pela diversidade também foi debatido durante as manifestações.

Durante as caminhadas, que reuniram pessoas de diferentes locais e com experiência cotidiana, serviu para que muitos problemas fossem levantados, reivindicações,  promessas esquecidas e todos com a  vontade de que tudo fosse realizado.

Líderes do movimento agem em defesa da sociedade

Percebendo a carência da sociedade manhuaçuense, alguns integrantes dos manifestos começaram a observar que não deveria ficar somente nas ruas a vontade popular. A partir daí, eles começaram a listar as demandas e o que era trazido para as manifestações como sendo a  "necessidade de um povo".

Na tarde desta quinta-feira, 27, os idealizadores dos manifestos em Manhuaçu, Robson Lacerda e André Knupp Lacerda foram recebidos pelo prefeito municipal, Nailton Heringer. A ele foi entregue um documento com todas as reivindicações e propostas , para que haja mais ação dentro do que a sociedade está necessitando.

Demonstrando bastante apreço pelos dois jovens idealistas, o prefeito Naiton Heringer assinalou que estará encaminhando o documento à Secretaria Municipal de Planejamento,bem como ao Departamento Jurídico para uma análise técnica sobre o assunto. "Em seguida estarei convidando vocês, para que possamos conversar mais sobre as reivindicações, numa  próxima reunião em breve.  É importante que todos participem de forma ordeira, célere  e com o propósito de crescimento. Faço questão que a "imprensa" também esteja presente, para mostrar que tudo o que fazemos é transparente",disse o prefeito.

Segundo Robson Lacerda, representante do movimento que fez a cidade despertar para algo necessário e tão singular, ao protocolizar o documento pôde ter a sensação de que haverá  avanço. No documento existem promessas feitas durante a campanha e, até agora não cumpridas. Outras reivindicações relacionadas com base na demanda da comunidade,que surgiram nos seis meses de governo. "As propostas e reivindicações contidas no documento são viáveis e sustentáveis. Esperamos que nos próximos dias tenhamos o posicionamento do Executivo",destaca Robson Lacerda.

Para André Knupp Lacerda,integrante do movimento, a esperança é que efetivamente aconteça o que a sociedade está precisando. "Agora espero que, após a análise da equipe técnica, ele possa nos chamar e detalhar o que pode ser feito. Todos aqueles que acompanharam o movimento, aguardam ansiosamente uma resposta sobre o que  a prefeitura pode  e o que não pode fazer",ressalta o idealizador André knupp Lacerda.

Propostas e reivindicações no gabinete

As reivindicações entregues e, que serão cobradas  pela sociedade são todas as promessas de Campanha. Dentre elas estão a  construção da passarela na BR;transferência da BR de dentro da cidade ou a construção do anel rodoviário. Ou ainda, a construção de uma ‘trincheira’ pelo bairro alfa Sul; construção de um Hospital Regional;cobrança da fornecedora de energia por mais iluminação nas ruas; maior contato e proximidade com a população, com associações e entidades; consórcio de Saúde;guarda municipal, mais segurança, mais policiamento (preventivo); melhoria da imagem da cidade; (grande favelão como foi dito durante a campanha). Arborização (com árvores que melhorem a estética durante a floração), plantio de gramados em calçadas, cuidados com jardins de praças e dos trevos, cuidados com as encostas e podas necessárias.

Também pede no documento a parceria público-privada para acabamento e pintura das casas; criação do código de obras ou PDU (e que seja fiscalizado);Internet de graça para parte de Manhuaçu ( sugerindo que não seja de graça, que seja paga uma tarifa anual -como IPTU-, que seja oferecido 600kb de velocidade.

Cumprimento de novas exigências, por demandas que surgem

Lei municipal que reduza os salários do prefeito, vice e dos vereadores a 4 salários mínimos. Sem regalias, sem extras. Apenas com pagamentos de viagens, diárias ou necessidades afins. INSS deve ser descontado e pago por eles, como qualquer outro cidadão. Afinal, um político é representante do povo, então, ele tem que ser igual ao povo, e começar a dar o exemplo pelo salário.Consta do documento.Criação de uma lei municipal em que os compromissos firmados durante a campanha e durante reuniões com associações de bairro, sejam cumpridos, sob pena de prisão de toda a equipe gestora (responsável),como crime hediondo contra a municipalidade.

Plano Municipal de Educação: plano de carreira, modelo educacional mais completo, aulas em período integral, reforma de escolas, eleição dos diretores, direcionamento de verba de acordo com as necessidades.

Estradas municipais patroladas ou asfaltadas (coloque como meta, até o fim do seu governo o asfaltamento de estradas municipais).

Promoção do esporte: prática de exercícios e principalmente esportes (com treinadores) oferecer ao jovem ser disciplinado, ter mais saúde, ser mais regrado, obedecer a ordens, ter preocupações e evitar (diminui, não exclui) que ele entre nas drogas ou nas bebidas desde novo.

Áreas de lazer: (prioridade) Construções/reformas de pracinhas destinadas à promoção de cidadania. Uma praça para pessoas que fazem artesanato (vender e expor obras), outra praça musical (onde artistas possam tocar para o público), praça para esportes (como skatistas e outras), praça do cinema (com exibição de filmes), praça da tecnologia (para debates e palestras sobre temas tecnológicos, sociais, filosóficos, etc)

Construção de um Centro animal: para atender toda a população de Manhuaçu (e não apenas um canil para cuidar de animais abandonados). Lembrando que este centro gerará lucros, portanto é autosustentável (diferente de um canil, que só traria gastos).

Serviços que vão ser pagos pela população (e que sejam preços acessíveis):

Hotel: quando o dono viajar e precisar deixar o cão em algum lugar.

Atendimento de emergência e urgência para animais.

Petshop: Com vendas de coisa básicas (ração, shampoo, ossos etc) e para dar banho, tosar etc., criação de postos de vigilância bairristas. Em ação conjunta com a PM, PC e os moradores para construção de postos como pontos de referência. Repasse feito à PM, pedir mais policiamento de prevenção  e, em parceria com as associações de bairro, criar guaritas nos bairros, para a própria população ajudar na segurança. Auditoria em contratos de gestões passadas, atendimento às necessidades dos deficientes, sinais de trânsito sonoros, calçadas adequadas com marcação e desenhos corretos, educação por meio de agentes. Elevação das faixas de pedestres.  Acessibilidade para deficientes e um padrão municipal de calçada. Melhoria do trânsito - alto número de veículos. Sugestão: valorização da caminhada através da carona solidária e, ainda redução do número da frota circulante, por meio de cobrança de estacionamento (criar um ponto eletrônico, assim como existe no exterior e cobrar mais caro para estacionar).

Criação de um centro de pesquisas tecnológicas e ajuda financeira para jovens ou pesquisadores. Programa integrado com o Sebrae, que atenda requisitos sociais e, que possibilite crescimento econômico/financeiro ou aumento da qualidade de vida (social).Auditoria dos funcionários da prefeitura e,se necessário imediata abertura de concurso público.Maior rigor e fiscalização com empresas: falta de alvarás, não assinatura de carteira dos funcionários (informalidade).

Consequente  aumento de arrecadação para o município. Distrito industrial que possa gerar empregos e renda; parceria privada para construção de uma universidade municipal, podendo cobrar o valor de custo para os alunos estudarem aqui.

Instalação de câmeras para aumentar a segurança, através da  vigilância (pela união dos setores de inteligência local) podem coibir ações de criminosas, vândalos, estupros, assaltos, colocando alarmes próximos as câmeras, para qualquer evidência de ato criminoso.

Reforma da rodoviária

Lixeiras seletivas na cidade. Sugerir projetos para iniciativa para a iniciativa privada ou fazer parceiras público-privada, sendo que haveria retorno para a prefeitura; desassoreamento do Rio Manhuaçu; saneamento e esgotamento da cidade, para que o rio Manhuaçu não seja mais poluído.
Redução da tarifa de ônibus, para trabalhar a fim de ter um transporte gratuito na cidade.

Canal aberto e democrático para comunicação com a sociedade: para apontarem os problemas e exigir cobranças e criação do orçamento participativo (prioridade) onde a população decide o que é preciso, o que vai ser realizado.

Eduardo Satil














}