MANHUACU.COM - Inauguração do CAPSi conclui ciclo de atenção Psicosocial

Inauguração do CAPSi conclui ciclo de atenção Psicosocial



 

Tamanho da fonte    




Uma concorrida solenidade, com a presença do Prefeito Nailton Heringer, marcou a inauguração pelo Governo de Manhuaçu na sexta-feira, 22/05, de mais uma unidade da rede de atenção psicossocial. O chamado CAPSi - Centro de Atenção Psicossocial Infanto-juvenil - destinado exclusivamente para atendimento a crianças e adolescentes até 18 anos, está instalado na Rua Drosa Pinheiro, no bairro Bom Pastor.
 
O encerramento da programação da semana de luta antimanicomial marcou a inauguração da unidade que oferece agora cobertura para as crianças com transtorno mental, autismo e ainda com necessidades decorrentes de álcool e outras drogas. “Já tínhamos o CAPS II, o CAPS AD e agora essa grande conquista que é o CAPSi, que estava faltando para fechar a rede de atendimento psico social no município” – destacou na inauguração o secretário de Saúde, José Rafael Oliveira.
 
Durante a cerimônia de inauguração, o secretário José Rafael enalteceu a equipe que já está atuando no CAPSi. “O campo da saúde psico social é muito melindroso e requer conhecimento muito grande de quem trabalha com ele, então o profissional, ás vezes é bem difícil se encontrar no mercado” – lembrou. Segundo Oliveira, o município vem procurando atender toda a demanda que vem sendo mostrada na saúde psico social.
 
Equipe Multiprofissional
 
A coordenadora do CAPSi, Nubia Dias Batista Caldeira, informou que o centro vai oferecer consulta psiquiátrica, atendimentos psicológicos, terapia ocupacional, atendimentos com pedagoga, educador físico, com farmacêutica, onde os pacientes poderão buscar os medicamentos no próprio CAPSi, além de oficinas. A unidade atende por meio de encaminhamentos dos ESFs, de outros CAPS ou órgãos da rede e também de demanda espontânea.
 
O coordenador regional de saúde mental da Gerência Regional de Saúde, Marco Moreira, participou da solenidade e avaliou positivamente a inauguração. “Manhuaçu é um município polo muito importante, já possui um CAPS de álcool e drogas que atende 23 municípios, tem o CAPS de transtorno mental adulto que atende uma população de quase 150 mil pessoas na região e o CAPS infantil agora concluindo o ciclo” – lembrou. 
 
Os CAPS funcionam integrados a uma rede, destacou Marco Moreira, apontando os outros pontos de atenção como a UPA 24h, o SAMU que vai ser implantado até o final do ano, o NASF e a Atenção Primaria. Além disso, o órgão é inclusivo, encaminhando e acompanhando o atendido na escola regular. “Por isso o centro funciona em dois turnos. Quem está no centro pela manhã, à tarde tem que ficar na escola e vice-versa. Com laudo, mediante necessidade diagnosticada, o Estado é orientado a contratar um professor acompanhante para que a criança seja incluída no sistema escolar normal” – finalizou Marco Moreira.
 
O prefeito Nailton Heringer, ao inaugurar o CAPSi, destacou a equipe completa montada, com local adequado, totalmente preparado para atender a demanda psicossocial infanto-juvenil. “É uma demanda crescente, complexa, por isso mesmo foi montada uma equipe multidisciplinar de alto nível” – destacou Nailton.
 
O Governo de Manhuaçu busca a qualidade de vida para as crianças e a juventude com uma boa estrutura para enfrentamento dos problemas. “Nós entregamos o melhor para que as demandas sejam atendidas. Nós entregamos isso não só para Manhuaçu. Como cidade polo entregamos para toda a nossa região um atendimento de qualidade dentro dos parâmetros nacionais da saúde, para atender bem, com qualidade e resolver os problemas” – concluiu. 
 
Secretaria de Comunicação Social de Manhuaçu