Maio Amarelo: Corpo de Bombeiros realiza simulação de acidente no trânsito



 

Tamanho da fonte    




Em vários pontos da cidade ou trecho das rodovias estaduais é possível encontrar equipes do Departamento de Estradas e Rodagens (DER), Polícia Militar Rodoviária, Conselho Municipal de Trânsito, agentes de saúde distribuindo panfletos com dicas importantes para que o usuário da rodovia possa colaborar com o trânsito.
 
A campanha Maio Amarelo é uma ação global, que está crescendo, despertando as pessoas e busca engajar órgãos públicos, privados e a sociedade para um trabalho conjunto, ações que chamem a atenção de toda a sociedade para o alto índice de mortes e feridos em todo o mundo, sobretudo no Estado e na região. Assim, a campanha tem o propósito de provocar mudanças de atitudes em prol da segurança de todos.
 
Nas rodovias que cortam a região, o Departamento de Estradas e Rodagens tem realizado várias blitzen com a participação da Polícia Rodoviária Estadual e GRS de Manhumirim.
 
Em Manhuaçu, a Polícia Militar, Conselho Municipal de Trânsito, agentes de saúde tem realizado trabalho de abordagem e fiscalização educativa, distribuição de panfletos, adesivo, laço amarelo (símbolo da campanha) e, ao mesmo tempo uma rápida conversa sobre a importância da consciência no trânsito.
 
Na última sexta-feira, a campanha foi desenvolvida na Avenida Getúlio Vargas, onde o movimento de veículos e motos é intenso. Participaram também os soldados alunos do 11º B.P.M., PM Amigo Legal e equipe do Departamento de Estradas e Rodagens (DER).
 
A ação foi bem recepcionada por motorista, motociclistas e por moradores do bairro que também foram orientados sobre o trânsito. Durante o trabalho, muitos motoristas foram parados para receberem o panfleto e não usavam o cinto de segurança. Muitos que estavam pilotando motos vinham tranquilamente com a viseira aberta e, nem se preocupavam com a presença da polícia no local. Ao que parece, alguns já estavam tão acostumados que sequer se incomodavam. Foram abordados pelo PM Amigo Legal, que deixou para cada um a lição de como comportar e andar com segurança no trânsito. A viseira era fechada e limpa, simbolizando o cuidado necessário.
 
O comandante da 72a Cia. de Polícia de Manhuaçu, Cap. Jesus Cássio diz que essa falta de cuidado de quem é usuário do trânsito diariamente, torna-se perigoso em face de autoconfiança de que nada irá acontecer. O oficial também observou o comportamento de inúmeros motoristas, que não estão usando cinto, falam ao celular e sem responsabilidade ao volante. “O Movimento Maio Amarelo é uma proposta interessante, fomenta atividades educativas no trânsito e a conscientização. Queremos que haja o engajamento de todos, para que tenhamos segurança no trânsito”, ressalta Cap. Jesus.
 
Simulação
 
O mês dedicado ao combate à violência no trânsito chegou à Rede Estadual e Municipal de Ensino. As escolas têm realizado palestras para os alunos a fim de conscientizar as crianças e adolescentes, quanto aos cuidados necessários durante a utilização das faixas de pedestres.
Nesta quarta-feira, os alunos da Escola Estadual Antônio Welerson participaram de uma simulação de um atropelamento envolvendo ciclistas. A ação contou também com a participação dos agentes do ESF do Bairro Santana , Bombeiros e Conselho Municipal de Trânsito. Para o Ten. Flávio Mota, a apresentação foi de fundamental importância para desenvolver nos alunos a preocupação de estarem mais conscientes e cuidadosos no trânsito.
 
“Fizemos essa simulação, visto que, os alunos usam bicicleta para a locomoção. Assim, torna-se interessante eles terem essa ideia e entenderem verdadeiramente como devem comportar”, disse Tenente Mota.
 
Eduardo Satil













}