Morador de Lajinha morre em acidente na BR-262



 

Tamanho da fonte    




Um acidente entre dois carros na BR 262, em Conceição do Castelo, na Região Serrana do Espírito Santo, deixou pelo menos duas pessoas mortas e outras sete feridas, de acordo com o Corpo de Bombeiros. Uma das vítimas que morreu Hélio Martins e Silva, 84 anos, era morador de Lajinha. Segundo a Polícia Rodoviária Federal, o acidente aconteceu na manhã deste sábado, 15/07, por volta das 10h50, no Km 115. Os dois sentidos da rodovia ficaram interditados até as 13h30.
 
A batida aconteceu entre um Chevrolet Cobalt e um Ford Ka, próximo à ponte da localidade de Indaiá. De acordo com o Corpo de Bombeiros, o Cobalt, placas de Muriaé, Minas Gerais, com quatro ocupantes, seguia sentido Vitória. Um dos ocupantes, Hélio Martins e Silva, de 84 anos, morreu.
 
Já no Ford Ka, placas de Vitória, com cinco ocupantes, seguia no sentido Belo Horizonte. Entre os passageiros, uma criança de 2 anos, identificada por Miguel Barbosa de Oliveira, não resistiu e morreu. A mãe da criança teve fratura exposta de braço.
 
Segundo a PRF os veículos bateram de frente. Quando os agentes chegaram ao local, as nove vítimas do acidente já haviam sido removidas. O Corpo de Bombeiros e o Samu foram acionados e realizaram o resgate das vítimas ao Hospital Padre Máximo, em Venda Nova do Imigrante.
 
A unidade informou que seis vítimas foram transferidas por ambulâncias para hospitais da Grande Vitória. Apenas uma das vítimas permanece internada no Hospital Padre Máximo.
 
Houve grande engarrafamento na via por conta da interdição nos dois sentidos da rodovia. A pista foi liberada após a retirada dos veículos, por volta das 13h30.
 
Gazeta Online / Beatriz Caliman













}