OAB Manhuaçu realiza I Fórum Regional de Segurança Pública



 

Tamanho da fonte    




Na tarde da última sexta-feira, 26/05, a diretoria da 54ª Subseção da OAB/MG realizou o I Fórum Regional de Segurança Pública. O evento aconteceu no Centro Cultural João Bracks, em Manhuaçu e contou com a presença de autoridades públicas e civis de toda a região do Caparaó.
 
A mesa de honra foi composta pelo presidente da OAB Manhuaçu, Alex Barbosa de Matos; prefeita de Manhuaçu, Maria Aparecida Magalhães Bifano; deputada estadual, CeliseLaviola; presidente da Câmara Municipal de Manhuaçu, Jorge Augusto Pereira; comandante do 11º Batalhão de Polícia Militar de Minas Gerais, tenente-coronel Sérvio Túlio Mariano Salazar; delegado regional de Polícia Civil de Manhuaçu, Carlos Roberto Souza da Silva Bastos; juíza de direito da Comarca de Lajinha, Aline Damasceno Pereira de Sena; promotor de justiça da Comarca de Manhuaçu, Carlos Samuel Borges Cunha; inspetor de Polícia Civil e vereador de Manhuaçu, João Gonçalves Linhares Júnior; vice-presidente da APAC de Manhuaçu, Terezinha Fani Sobreira da Silva; presidente da Comissão de Segurança Pública da OAB Manhuaçu, Bruno Godinho Spínola; delegado geral de Polícia Civil de Minas Gerais, Antônio Carlos de Alvarenga Freitas e a secretária geral da OAB Manhuaçu, Ângela Maria Lima de Abreu.
 
Estiveram presentes ainda representantes de deputados estaduais e federais, prefeitos e vereadores de vários munícipios da região, além de representantes de entidades organizadas, CONSEP, dentre outros.
 
Promovido pela OAB Manhuaçu, o principal objetivo da instituição com a realização deste fórum foi contribuir com todos os protagonistas da segurança pública: polícias civil e militar, Ministério Público, Poder Judiciário, gestores e legisladores de todos os municípios da região, apresentando propostas que buscam o controle da criminalidade e a manutenção da ordem pública. 
 
De acordo com o presidente da OAB Manhuaçu, Alex Barbosa de Matos, “somente com a conjugação de esforços de todos, sem exceção, inclusive com a ampliação da participação da sociedade, é que se espera alcançar resultados satisfatórios na área de segurança pública”, ressaltou.
 
Durante o evento, autoridades presentes discutiram alguns temas levantados pelos palestrantes. O primeiro a se manifestar foi o chefe da Delegacia Regional de Polícia Civil de Manhuaçu, delegado Carlos Roberto Souza da Silva Bastos, que explanou sobre Segurança Pública e o Sistema de Justiça Criminal. 
 
Em seguida, foi a vez do presidente da OAB Manhuaçu, Alex Barbosa de Matos, que falou sobre o quadro atual da Justiça Criminal e seus impactos sociais: análise e soluções. Nesse ponto, o presidente Alex Barbosa sugeriu a criação de um consórcio intermunicipal de segurança pública, com a implantação de um centro de monitoramento responsável pelas principais vias dos municípios consorciados. Ele destacou também a importância da implantação de um centro de internação para adolescentes em conflito com a lei, além da construção do presídio de Manhuaçu e a reativação das cadeias públicas de Lajinha, Ipanema e Mutum.
 
A juíza da Comarca de Lajinha, Aline Damasceno Pereira de Sena, levantou a questão do Centro de Internação inserido na política de atenção ao adolescente em conflito com a lei. Fechando o ciclo de palestras, o promotor de justiça da Comarca de Manhuaçu, Carlos Samuel Borges Cunha, falou sobre a formação de força tarefa para combate aos crimes de roubo em zonas rurais e arrombamentos a caixas eletrônicos.
 
Fizeram uso da palavra franca o delegado geral de Polícia Civil, Antonio Carlos de Alvarenga Freitas; comandante do 11º Batalhão de Polícia Militar de Minas Gerais, tenente-coronel Sérvio Túlio Mariano Salazar; a psicóloga do Presídio de Manhuaçu, Sidineli Almeida; e a prefeita de Manhuaçu, Cici Magalhães.
 
Assessoria de Comunicação / OAB Manhuaçu
 
Envie notícias, fotos e vídeos para o nosso WhatsApp (33) 99906-5656