Polícia Militar intensifica patrulhamento próximo as escolas da cidade



 

Tamanho da fonte    




Na última semana, a Polícia Militar tomou conhecimento de um vídeo veículado nas redes sociais, em que o cidadão se apresenta como pai de um aluno do educandário E. E. de Manhuaçu, Ex-Polivalente e faz um alerta sobre problemas de violência ocorridos na saída de alunos da escola, pedindo atenção especial da Polícia Militar e da direção do educandário.
 
Não obstante às diversas intervenções rotineiramente já realizadas pela equipes policiais, como operações, abordagens, visitas de prevenção, palestras e programas voltados para o público jovem estudantil, que tem como pauta o combate a violência, a Polícia Militar buscou ampliar as informações através de contatos com direção da escola e com o próprio autor do vídeo, com o propósito de realizar o diagnóstico mais preciso acerca do problema e adotar medidas preventivas e de repressão qualificada.
 
Nesse diagnóstico, constatou-se que os problemas apontados foram pontuais e não revelam o estado alarmante sugerido pelo autor do vídeo, o qual não soube passar informações sobre eventuais envolvidos ou lideranças que pudessem estar provocando as ações delituosas citadas no vídeo.
 
De igual forma, a direção do educandário manifestou o conhecimento sobre os problemas pontuais, esclarecendo inexistir situações que impliquem necessidade de intervenções diversas as que já foram adotadas.
 
Não obstante a constatação desse diagnóstico, a Polícia Militar reintera que continuará desenvolvendo o trabalho de policiamento ostensivo, intensificando o patrulhamento nas adjacências dos educandários da cidade, sobretudo nos horários de início e enceramento das aulas.
 
Manhuacu.com/com informações da PM













}