Prefeitura firma convênio com comunidade terapêutica



 

Tamanho da fonte    




A Prefeitura de Manhuaçu celebrou convênio com a Comunidade Terapêutica Santa Mãe da Providência. Serão repassados mensalmente R$ 8 mil. O convênio tem por objeto a cooperação mútua, apoiando a entidade nas suas atividades e despesas relacionadas ao seu funcionamento, visando um melhor atendimento aos dependentes químicos. Além do prefeito Nailton Heringer, o documento também foi assinado pelo presidente da entidade beneficiada, padre Francisco das Chagas de Pontes Carvalho.

Para o presidente da Comunidade Terapêutica Santa Mãe da Providência, padre Francisco das Chagas, "é com muita alegria que celebramos convênio com a Prefeitura de Manhuaçu. Isso demonstra que o poder público também está interessado em trabalhar conosco na luta no combate às drogas. É um problema social que assola tantas famílias e de um modo particular a nossa juventude", explicou padre Chagas.

A entidade está em atividade há aproximadamente três meses e já colhe alguns frutos do árduo trabalho. Muitos recuperandos que por lá chegam estão mudando suas vidas e tentando resgatar a sua dignidade para poderem voltar ao convívio social e, mais importante, ao nicho familiar. "Isso nos alegra e deixa satisfeitos, pois é isso que queremos. Prova de que o nosso trabalho está sendo feito com carinho e zelo", concluiu o presidente da  Comunidade Terapêutica Santa Mãe da Providência.
(foto: Secretaria de Comunicação Social de Manhuaçu)

Na tarde desta terça-feira (22), o prefeito de Manhuaçu, Nailton Heringer, e o diretor do SAMAL, Wellen Mendonça, visitaram a Comunidade Terapêutica para acompanhar de perto o trabalho desenvolvido pela entidade.
(foto: Secretaria de Comunicação Social de Manhuaçu)

Secretaria de Comunicação Social de Manhuaçu