Presidente da OAB Manhuaçu nomeia Comissão de Direito Eleitoral



 

Tamanho da fonte    




Na manhã desta quinta-feira, 03/03, o presidente da 54ª Subseção da OAB/MG, Alex Barbosa de Matos, nomeou a comissão de direito eleitoral da OAB Manhuaçu. A comissão será presidida pelo advogado Layon Nicolas Dias Pereira, tendo como vice-presidente o advogado Célio Silva Camargo e como secretária a advogada Rayanna Cerqueira Pena.
 
Também participaram do ato, a secretária-geral adjunta da 54ª Subseção da OAB/MG, Ângela Maria de Lima, a tesoureira da Subseção, Regiane Rezende Lima e a conselheira subseccional, Michelle Duarte Pimentel.
 
Segundo o presidente da OAB Manhuaçu, Alex Barbosa de Matos, “a comissão de direito eleitoral estará atenta para combater o abuso do poder econômico dos candidatos a prefeito e vereador nas eleições deste ano em todos os 19 municípios que compõem a subseção. Todos os dados coletados pela comissão terão como destino final o Ministério Público, a fim de garantir eleições mais limpas e justas”, destacou.
 
Alex Barbosa de Matos ressaltou ainda que “a Ordem conta com o apoio da sociedade para que não haja desequilíbrio no pleito eleitoral. Para isso, realizará uma série de palestras a fim de conscientizar os eleitores, especialmente, os jovens que voltarão pela primeira vez, a respeito do seu papel nas eleições dos seus representantes para os poderes Legislativo e Executivo”, afirmou.
 
O novo presidente da comissão de direito eleitoral da OAB Manhuaçu, Layon Nicolas Dias Pereira, enfatizou que “gostaria de agradecer a Deus por mais este desafio em minha vida profissional, bem como ao nosso presidente Alex Barbosa, pela confiança depositada em mim, mesmo jovem advogado, para assumir a presidência de uma comissão tão importante, ainda mais diante da atual realidade do país, com uma grave crise política instalada, a recente reforma eleitoral, e ainda, por ser um ano de eleições. Pretendo, juntamente com meus diletos colegas de comissão, trabalhar junto aos demais advogados, sociedade civil e poder público, para que haja uma participação mais democrática em nosso sistema eleitoral”, concluiu.
(foto: Assessoria de Comunicação / OAB Manhuaçu)
 
(foto: Assessoria de Comunicação / OAB Manhuaçu)
 
Assessoria de Comunicação / OAB Manhuaçu