Reunião busca soluções para setor supermercadistas em Manhuaçu



 

Tamanho da fonte    




O prefeito de Manhuaçu, Nailton Heringer, se reuniu com supermercadistas de Manhuaçu nesta quarta-feira, 23. O encontro aconteceu no salão do Centro Cultural. Estiveram presentes ainda o secretário de Agricultura, Indústria e Comércio, Sandro de Souza Tavares; secretario de Fazenda, Cristovão Rocha;  secretário de Administração, João Batista Hott; sub-procurador do Município, Dângelo Maurício Rodrigues; representantes da Secretaria do Trabalho Desenvolvimento Social, Amadeu Caldeira Dutra Brandão (CREAS) e o vereador Gilson César da Costa.

Em suas considerações, o prefeito ressaltou o crescimento da cidade e as perspectivas que estão sendo delineadas para Manhuaçu, bem  como empreendimentos, que já são do conhecimento dos comerciantes e da população. Para Nailton, com o crescimento da população, o comércio local terá maiores demandas.

"O nosso objetivo é estreitar os laços com a população e o comerciante local. Queremos que Manhuaçu assuma, de uma vez por todas, da sua função de cidade polo na região. As pessoas que passarem por nossa cidade precisa ser bem atendida para que possam retornar sempre", argumentou Nailton.

Debates

Dentro do debate surgiram diversos assuntos. Dentre eles, os comerciantes demonstraram preocupação com relação à Segurança Pública. Outro ponto discutido foi a abertura do comércio aos domingos e nos feriados. Sobre o grande número de andarilhos no município, principalmente na região central de Manhuaçu, o representante da Secretaria do Trabalho Desenvolvimento Social, Amadeu Caldeira Dutra Brandão (CREAS) explicou que a Prefeitura tem feito a sua parte.
(foto: Secretaria de Comunicação Social de Manhuaçu)

"Pelo levantamento que fizemos desde o início do trabalho, em 2012, o principal motivo do aumento da mendicância em Manhuaçu é a safra do café. A maioria deles não é morador de rua. Essas pessoas têm família, casa e até outros bens. Porém, tiveram desavença com pessoas próximas e preferiram sair da sua residência e morar longe da família", relatou.
(foto: Secretaria de Comunicação Social de Manhuaçu)

De acordo com levantamentos do CREAS, em Manhuaçu existem 21 pessoas em situação de rua. Destas, 13 estão dentro de suas casas. "Isso graças ao trabalho que fazemos de abordagem social", completou Amadeu.

Secretaria de Comunicação Social de Manhuaçu














}