Secretaria Municipal de Educação realiza semana pedagógica



 

Tamanho da fonte    




No momento em que a busca pelo desempenho e a convivência se completam, a Secretaria Municipal de Educação de Manhuaçu também busca a multiplicação do conhecimento para os coordenadores, professores e monitores. Para isso, os profissionais da área da educação participaram da 1ª semana pedagógica, que contou com a participação de renomados palestrantes, oficinas e discussões em grupo temático, a fim de alcançar o resultado cada vez mais eficaz no local de trabalho, ensino de qualidade, convivência cotidiana e a forma de detectar possível alteração comportamental das crianças.

Ao iniciar as atividades da 1ª semana pedagógica, a Secretária Municipal de Educação, Gelvania Marques deu boas vindas aos participantes, destacou a importância do evento, bem como a vontade do governo municipal em estar qualificando os profissionais, por considerar que o professor tem um papel relevante e crucial no processo da transformação social. “Esse momento de reflexão, certamente trará um resultado satisfatório para que os educadores possam saber conduzir as ações e alcançar metas. A escola é o lugar onde são exercitadas as regras para o convívio democrático com a diferença”, frisa a secretária municipal de educação Gelvania Marques.

Para conduzir de maneira bastante técnica e versátil, o primeiro dia do encontro teve como palestrantes o psicanalista Sílvio de Souza Rocha e o ex-prefeito de Manhumirim, Ronaldo Lopes Correa. Os dois palestrantes foram muito enfáticos nos assuntos escolhidos pela coordenação do evento, com o foco para o lado motivacional do profissional em sala de aula.

Para Ronaldo Lopes Correa é preciso que os profissionais da educação estejam motivados e, sempre refletindo o que é ser professor. Ao abordar o tema voltado para a perspectiva da psicologia, filosofia e da teologia, que possibilitou melhor compreensão dentro daquilo que requer uma educação de qualidade, Ronaldo Lopes destacou que a educação se faz com profissionais dedicados, sempre em busca do aprimoramento e por uma educação de qualidade.

Disse ainda que, a falta de motivação pode estar relacionada ao fator financeiro, mas é importante que o profissional da educação encare de maneira singular, tendo a missão de provocar e dar condição ao adolescente, ao jovem de crescer e se tornar um cidadão de bem. “Todos nós precisamos assumir nosso papel de educador. Todos nós tivemos professores, dependemos de professores para viver e continuar a caminhada”, ressalta Ronaldo Lopes Correa.

O prefeito Nailton Heringer participou de todos os momentos da semana pedagógica e enalteceu a iniciativa da Secretaria Municipal de Educação, que está buscando o aperfeiçoamento e qualificando os educadores. Ao falar sobre o evento, o prefeito Nailton Heringer ressaltou que considera um momento decisivo para a educação, para que os avanços sejam realmente eficazes e a qualidade no ensino faça a diferença. Ele considera que, a partir desse encontro possa extrair uma nova metodologia para a educação no município.  “Temos de mudar as formas para fazer educação de qualidade. Há a necessidade de aperfeiçoamento, de um avanço, a fim de que a gente não fique vendo somente o professor diante do quadro negro e com o giz na mão. Com novas ferramentas, ele poderá ficar mais motivado na sala de aula, com um trabalho mais eficaz para o conhecimento”, pondera o prefeito Nailton Heringer.

Palestras motivacionais ampliaram o conhecimento

Durante os cinco dias da 1ª semana pedagógica, os professores, diretores, coordenadores e monitores participaram de palestras motivacionais, para despertar em cada um a necessidade de compreender que a escola é o princípio de tudo. Também foram abordados temas sobre meio ambiente (papel reciclado), inclusão, oficina de música, oficina de psicomotricidade, trabalho com música, PIP, diversidade textual e a arte de contar história. Os educadores também discutiram sobre o Estatuto da Criança e do Adolescente e a arte de contar história.

Para os monitores de escolas e EMEI’s as palestras foram focalizadas na Inclusão, PIP, trabalhando com música, indisciplina escolar, arte de contar história, dobrando com arte, primeiros socorros e oficinas de brinquedos e brincadeiras.

Os professores do ensino fundamental II tiveram como tema álgebra (aperitivos para servir aulas de português), com atividades para motivar e despertar leitores e produtores de textos, cinema na escola, a ciência no dia a dia, as religiões no mundo, primeiros socorros e a “República do Silêncio” com o professor mestre, Flávio Mateus.

No encerramento da 1ª semana pedagógica, promovida pela Secretaria Municipal de Educação foi apresentado um vídeo motivacional intitulado “sapateado” e palestras com Wilson Rúbio Cabral e Luiz Carlos Rhodes.

Os profissionais da educação que participaram da 1ª semana pedagógica saíram do encontro maravilhados, com uma nova visão para a implementação do conhecimento dentro do aspecto pedagógico e, a certeza de que é fundamental acreditar na educação como o pilar principal para a transformação.

Eduardo Satil