MANHUACU.COM - SMS convoca para vacinação contra sarampo e poliomielite. Começa dia 6 de agosto

SMS convoca para vacinação contra sarampo e poliomielite. Começa dia 6 de agosto



 

Tamanho da fonte    




Mais uma vez, a Secretaria Municipal de Saúde, através do Setor de Epidemiologia, Vigilância em Saúde e Atenção Primária estará participando da Campanha Nacional de Vacinação Contra a Poliomielite e Sarampo, que acontecerá no período de 06 a 31 de agosto.
 
Torna-se fundamental a alta cobertura vacinal e, que seja acima de 95% da população-alvo, para assim, evitar que novos casos de sarampo apareçam no país. Somente com a vacina será possível evitar que a doença continue avançando. Por isso é importante que os pais, responsáveis pelas crianças entre 12 meses e menores de 5 anos possam aproveitar a campanha nacional, para vacinar os seus filhos contra o sarampo e a poliomielite, também conhecida como paralisia infantil.
 
A campanha terá inicio no dia 06 e estenderá até o dia 31 de agosto. A mobilização para o Dia D será 18 de agosto. Nos ESFs, as salas de vacina estarão atendendo no horário de expediente. Esta campanha será voltada para crianças de um ano até quatro anos,11 meses e 29 dias, incluindo também as que já receberam as vacinas anteriormente. Nessa campanha, a estimativa é vacinar ao menos 95% das crianças dessa faixa etária.
 
Cuidados especiais
 
No que se refere à poliomielite esta é uma doença infectocontagiosa viral aguda, caracterizada por um quadro de paralisia flácida, de início súbito. Acomete em geral os membros inferiores, de forma assimétrica, tendo como principais características a flacidez muscular, com sensibilidade preservada e a arreflexia no segmento atingido.
 
A transmissão ocorre por contato direto pessoa a pessoa, pela via fecal-oral (mais freqüentemente), por objetos, alimentos e água contaminada com fezes de doentes ou portadores, ou pela via oral, através de gotículas de secreções da orofaringe (ao falar, tossir ou respirar). A falta de saneamento, as más condições habitacionais e a higiene pessoal precária constituem fatores que favorecem a transmissão do poliovirus.
 
Vale ressaltar que o último caso de poliomielite no Brasil ocorreu em 1990, graças a vacina para a erradicação da doença e, o comprometimento dos pais em vacinarem seus filhos.
 
O sarampo é uma doença infecciosa exantemática aguda, transmissível e extremamente contagiosa, podendo evoluir com complicações e óbito, particularmente em crianças desnutridas e menores de um ano de idade. A transmissão ocorre de pessoa a pessoa, através de secreções respiratórias, no período de quatro a seis dias antes do aparecimento do exantema até quatro dias após, possibilitando assim, a reintrodução dos poliovírus e sarampo ( comprometendo o processo de certificação de eliminação).
 
A caderneta e o cartão SUS são obrigatórios e devem ser apresentados, no momento em que a criança chegar à Unidade de Saúde, para receber a dose da vacina tríplice viral,
 
que protege contra sarampo, caxumba e rubéola. Também para receber a VOP (Vacina Oral Poliomielite -02 gotinhas). O acompanhante também deverá apresentar o cartão de vacina.
 
No município de Manhuaçu, o quantitativo levantado é de que pelo menos 5208 crianças sejam vacinadas nesse período. Os últimos detalhes foram discutidos nesta quarta-feira,01, com a participação dos enfermeiros responsáveis pelos ESFs e, a equipe Epidemiológica, Vigilância em Saúde e Atenção Primária à Saúde.
 
Assessoria de Comunicação SMS Manhuaçu













}