Três mortes em 24 horas: suspeito dos crimes é preso em Caratinga



 

Tamanho da fonte    




Maurício José Martins, conhecido como Dodó, de 22 anos, foi detido pela Polícia Militar na  rua Coronel Antônio da Silva, no centro de Caratinga, próximo à escola Menino Jesus de Praga.
 
De acordo com Capitão Gomes, ele confessou ser o autor dos três crimes registrados na cidade. O primeiro homicídio, segundo relato de Maurício aos policias militares, foi no distrito de Santa Efigênia. Elias Ribeiro Pereira, de 31 anos, conhecido como “Catita” foi encontrado morto em uma área de construção civil. De acordo com Maurício, eles faziam uso de bebida alcoólica e houve um desentendimento. “Eles entraram em luta corporal, ele se apoderou de um pedaço de madeira, enforcou a vítima e desferiu os golpes na cabeça da vítima”. O homicídio aconteceu por volta das 19h. 
 
Na sequência, Maurício pegou um ônibus por volta das 19h30 e se deslocou até Caratinga. Por volta de meia-noite, ele aproveitou que Fabiano Vieira de Azevedo, de 37 anos, conhecido como “Fabiano da Bahia”, estava dormindo e cometeu o crime. Frederic Roman Nikitin, de 45 anos, teria acordado e para não deixar testemunha, ele cometeu o seu terceiro homicídio. As vítimas foram mortas com golpes de chave de roda de caminhão na face.  
 
Os militares apreenderam a blusa de frio com capuz que teria sido utilizada no duplo homicídio em Caratinga. Ainda segundo a PM, Maurício relatou que cumpriu pena e saiu em liberdade no início deste ano. Seria natural de Manhuaçu e teria uma namorada em Santa Efigênia. 
 
“Em nenhum momento ele fala em arrependimento”, concluiu Capitão Gomes. Maurício foi encaminhado à Delegacia de Polícia Civil de Caratinga para as demais providências.
 
TV Super Canal
 
Envie notícias, fotos e vídeos para o nosso WhatsApp (33) 99906-5656













}