Vereador licenciado e outros acusados de extorsão são ouvidos no Fórum em Caratinga



 

Tamanho da fonte    




Chegaram por volta de 13h00 no Fórum de Caratinga Ronilson Marcílio Alves, 42 anos, vereador licenciado, Bruno dos Anjos Freitas Rabelo, de 33, Giorge de Carvalho Lima, de 37, e Alessandro Augusto Teixeira Pinheiro, de 27. Eles são acusados dos crimes de extorsão e formação de quadrilha e cumprem prisão preventiva no Presídio de Caratinga.
 
Ronilson e os demais são acusados de tentarem extorquir dinheiro do padre José Antônio Nogueira, no final do ano passado, ameaçando divulgar um vídeo com cenas que o comprometeriam. Caso o ex-provedor do Hospital Nossa Senhora Auxiliadora não lhes pagasse a quantia de R$ 85 mil, as imagens seriam levadas a público.
 
O advogado Max Capella defende Giorge de Carvalho e Bruno dos Anjos. Ele tenta desqualificar as acusações e provar que eles não praticaram os crimes:
 
Todos os acusados tiveram habeas corpus negados em primeira e segunda instâncias, mas o advogado de Giorge e Bruno acredita que seus clientes poderão ganhar a liberdade em breve:
 
Os outros advogados de defesa de Ronilson e Alessandro não falaram com a imprensa. Familiares e amigos do vereador licenciado se manifestaram com faixas de apoio.
 
Padre José Antônio Nogueira  esteve no fórum de Caratinga para depoimento. A imprensa não pode gravar imagens, áudio ou fotografar dentro das dependências do fórum, mas os repórteres que estão de plantão viram a chegada e a saída do padre, que deixou o local dentro de um carro com vidros pretos e fechados.
 
O padre foi ouvido pelo juiz da primeira vara criminal de Caratinga, Consuelo Silveira Neto, depois das testemunhas de acusação. As testemunhas de defesa também foram ouvidas e está em andamento o interrogatório dos réus.
 
Rádio Cidade / Caratinga
 
Envie notícias, fotos e vídeos para o nosso WhatsApp (33) 99906-5656